Doce Leitura: A Herdeira

22/09/2010 § 1 comentário

Algumas pessoas sentiram falta das indicações de livros, eu sei. Mas não fiquem chateados, porque o Doce Leitura voltou. Tivemos uma semana muito complicada (todos na equipe, sem nenhuma exceção), e ainda estamos em uma complicação total. É a pouca vida social que ainda nos resta. Viva o/

Hoje, vim lhes falar do meu primeiro amor. Não, não estou falando de homem. E sim o meu primeiro livro lido por completo, em 2000: A Herdeira. Uma tia havia me dado este livro porque ela estava se desfazendo de coisas antigas antes de se mudar, enfim. Nesse dia confuso, encontrei meu refúgio nas sábias palavras de um dos maiores autores da literatura americana: Sidney Sheldon.

Hoje, eu já li cerca de 95% de todas as suas publicações. Mas A Herdeira, um livro que conta com 96 páginas, publicado em 1977 estourando em duas semanas por todo mundo, foi sem dúvida um marco na minha vidinha literária.

Um pouco mais sobre o livro:


Após a morte de seu pai, Elizabeth herda uma grande empresa, se tornando uma mulher rica e poderosa. Agora, sua companhia vem sendo vítima de sabotagem, e ela terá que enfrentar aqueles que querem tirar o seu poder, e ao mesmo tempo de fugir de um assassino que quer tirar a sua vida.

Breve Spoiler:

Você se apaixona pelo par romântico de Elizabeth. Rhys Willians é o genro que todo pai quer, e o macho que todas nós sonhamos. Aparentemente de bom coração, carrega no seu olhar um doce mistério, um sorriso cafajeste nos lábios e ainda por cima rico e implacável nos negócios. Tipo, você passa a maior parte do livro torcendo para que eles se dêem bem. Baba com a primeira vez deles e quase morre quando descobre quem quer matá-la

O autor te prende de uma maneira hipnotizadora na história, que quando você se dá conta, está terminando. Sentimentos afloram… Raiva, inveja, desejo, dor, medo e até amor. Pra quem gosta de um romance um pouquinho picante, um suspense inteligente tomado por sentimentos avassaladores, recomendo não só este livro, mas como todos os livros do Sidney Sheldon.

Um pouco mais sobre o autor:

O autor que virou sinônimo de best seller vendeu 300 milhões de livros em 180 países, traduzidos para 50 idiomas, além de 250 roteiros para televisão, 25 filmes e seis peças para a Broadway. Em 1969, Sidney Sheldon escreveu seu primeiro romance, “A Outra Face” e a partir o sucesso não parou. Foi o único escritor que recebeu três dos mais cobiçados prêmios da indústria cultural americana: o Oscar do cinema, o Tony do teatro e o Edgar da literatura de suspense.”

Outras obras:

“A Outra Face” (1970), “O Outro Lado da Meia Noite” (1974), “Um Estranho no Espelho” (1976), “A Herdeira” (1977), “A Ira dos Anjos” (1980), “O Reverso da Medalha” (1982), “Se Houver Amanhã” (1985), “Um Capricho dos Deuses” (1987), “As Areias do Tempos” (1988), “Lembranças da Meia-Noite” (1990), “O Juízo Final” (1991), “Escrito Nas Estrelas” (1992), “Nada Dura para Sempre” (1994), “Manhã”, “Tarde e Noite” (1995), “O Plano Perfeito” (1997), “Conte-me Seus Sonhos” (1998), “O Céu Está Caindo” (2000), “Quem Tem Medo do Escuro?” (2004), “O Outro Lado de Mim: Memórias” (2006).

Anúncios

Marcado:, , ,

§ Uma Resposta para Doce Leitura: A Herdeira

  • N disse:

    O primeiro livro que li do começo ao fim, por vontade própria, sem escola obrigar ou coisa do tipo, foi dele. E isso tem uns mil anos.
    Sidney Sheldon é Mestre! Amo absolutamente todos os seus livros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Doce Leitura: A Herdeira no Doces Meninas.

Meta

%d blogueiros gostam disto: