Ta na Tela: Hellcats + Nikita!

25/09/2010 § 1 comentário

Oi gente, aqui é o Diogo e espero que não tenham ficado chateados porque não foi postado nada meu na sexta. Mas com isso coisas boas vieram: a identidade da parte de séries foi finalmente criada e se chama Ta Na Tela [repita rápido várias vezes que eu quero ver haha] e as séries que falarei hoje são ótimas dicas. Tem mais, estão só começando ainda, dá tempo de acompanhar de boa e sem boiar 😀

AVISO: Pode conter spoiler.

Hellcats estreou dia 09 de setembro, mas em 18 de maio foi anunciado pelo The CW que o piloto de Hellcats havia sido escolhido para a Fall Season 2010-11.

A série é baseada no livro Cheer: Inside the Secret World of College Cheerleaders, de Kate Torkovnick. Seu gênero é drama e comédia, é estrelada por AshleyTisdale (Savannah Monroe), Aly Michalka (Marti Perkins), Matt Barr (Dan Patch) e dirigida por Allan Arkush.

Vai ao ar ás quartas-feiras, às 21h (EUA), após o programa America’s Next Top Model, no canal The CW.

Particularmente eu amo a vibe cheerleader e não tinha como não gostar de cara de Hellcats. Até agora não deixou muito a desejar a não ser o fato de seguir a linha Glee logo de início. Isso porque se eles não vencerem as nacionais suas atividades serão cortadas e perderão as bolsas de estudo, o que parece um pouco com Glee [e eu não curto Glee, mas isso vai de cada um]

A escolha do elenco foi muito feliz [salvar a Ashley da Sharpay foi tão digno quanto ela contracenar com a Aly].

O que tenho pra dizer de Hellcats? Anything for a Hellcat.

Gostei MUITO e não perderei um só capítulo, recomendo a série [apesar de ser totalmente Hollywoodiana]

Sinopse: Marti Perkins é uma estudante de direito na Lancer University, em Memphis, Tennessee. Com um futuro brilhante pela frente, Marti considera-se uma jovem privilegiada, que esnoba as estudantes que sonham em se tornar líderes de torcida. Até o dia em que a Universidade decide cortar as bolsas de estudo oferecidas aos filhos de funcionários. Sendo filha de Wanda, a garçonete do bar da Universidade, Marti se vê repentinamente sem dinheiro para continuar seus estudos. Sem aptidão para concorrer em outras áreas, Marti recorre aos esportes. Assim, ela decide utilizar o que aprendeu quando era ginasta, para candidatar-se a uma vaga no grupo das líderes de torcida, chamado de The Hellcats. A série também mostra os bastidores do drama, política e pressão ao redor do programa de futebol americano em uma universidade sulista.

A próxima é Nikita.

O piloto já dá água na boca pra ver o restante da série, mas acho que tem tensão demais [essa pode ser a graça da série talvez, não quero me precipitar].

A série não é um remake de La Femme Nikita dos anos 90, mas quase uma continuação. A gatíssima Nikita foi condenada à morte por homicídio, mas uma agência governamental secreta chamada Divisão simulou sua morte e a recrutou como uma assassina treinada para missões de contra-espionagem. Após se envolver com um civil e vê-lo assassinado, aparentemente pela Divisão, Nikita fugiu da agência. É aí que a nova série começa.

Depois de viver três anos escondida, Nikita volta para se vingar da Divisão. Ela pretende expor a organização secreta que se diz defensora dos interesses dos Estados Unidos, mas que para Nikita, fugiu do controle. Ela consegue infiltrar na agência uma garota, a Alex, que tem a mesma história dela e também será treinada como uma assassina, mas secretamente trabalhando para Nikita.

Isso tudo é muito bem explicado no próprio piloto através de um flashback da Nikita e também ao decorrer da história. Sente-se também [pelo menos eu senti] um clima fortíssimo entre Michael e Nikita. Um fato que deixa isso mais emocionante: Michael está escalado para eliminar Nikita.

Em geral, estou gostando da série [e mulheres com armas são mais sexy]. Sem falar que a produção é muito boa. As sequências não deixam a desejar.

O diretor e idealizador é McG e a série é inspirada no original de Luc Besson de 1990.

A crítica aceitou bem a série e teve um público razoável de telespectadores no primeiro episódio.

Já ouvi comparação com a Peta Wilson (talvez seja inevitável), mas a atriz Maggie Q (“Duro de Matar 4” e “Missão Impossível III”) se saiu muito bem e as cenas de ação também foram bem comentadas pela crítica.

O elenco é composto por Maggie Q (lindíssima Nikita), Lyndsy Fonseca (Alex), Shane West como (Michael), Xander Berkeley (Percy) entre outros.

HellCats

Nikita

Então é isso gente, espero que tenham gostado desse post e peço, por favor, que comentem o que acharam. Como sempre digo, tentarei ao máximo ter contato com os leitores para que a qualidade do Ta Na Tela esteja sempre subindo, mas para isso preciso que vocês expressem suas opiniões ok? Isso é tudo por hoje gente, beijo ;*

Anúncios

Marcado:,

§ Uma Resposta para Ta na Tela: Hellcats + Nikita!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Ta na Tela: Hellcats + Nikita! no Doces Meninas.

Meta

%d blogueiros gostam disto: